Páginas

14 de janeiro de 2013

Para que o mal triunfe basta que os Bons não façam nada!





A imagem que apresentamos hoje, é nada mais nada menos, do que o retrato da realidade cruel que os nossos semelhantes impõe a seres inocentes.

Quinta feira a noite, um temporal tão forte que parou a Zona Oeste...
Na Serra da Grota Funda, caída no meio do mato, encontramos essa cadelinha...
Mal conseguia respirar, imóvel, sendo devorada viva por centenas de bicheiras em sua cabeça...
Parei o carro...

Imediatamente um motoqueiro da concessionária que administra o BRT nos abordou, avisando que não poderíamos ficar parados ali...
Explicamos que éramos do G.A.R.R.A. e que estávamos resgatando um animalzinho ferido...

Com a maior frieza o Cidadão nos respondeu que ela já estava ali desde cedo (de manhã) e que havia sido atropelada 3 vezes seguidas!

Ou seja: um animal ferido em uma via pública e ninguém presta socorro, nem mesmo a tal concessionária! Um carro pára por alguns minutos e imediatamente um homem grosseiro nos aborda dizendo que seríamos multados!

Maior do que a revolta e vontade de mandá-lo para o inferno, foi o instinto de salvar a vida daquela menina que agonizava diante dos meus olhos...

Peguei-a no colo (ela tremia de frio, estava encharcada, respiração ofegante...).

Por sorte tínhamos alguns panos no carro para aquecê-la... Precisávamos correr contra o tempo.. Manter a calma...

Meus dois amigos não tinham a menor experiência em resgates de animais...
Graças a Deus foram dois anjos - Dayane Ferreira e Fábio Fabretti, acreditem, muitos protetores de "carteirinha" não teriam a presença de espírito que vocês tiveram naquela noite... Obrigada por vocês existirem!

No caminho, com toda a esperança de trazer essa menina para um mundo sem dor ou sofrimento, ela teve a primeira convulsão...

Chegamos ao Cittá Vet com aquela jovem cadelinha ainda viva...

Existem momentos e acontecimentos em nossas vidas em que só podemos mesmo sentir revolta...
Esse foi um deles...

A sorte estava do nosso lado, fomos atendidos imediatamente pela Dra Alessandra, que é uma veterinária altamente capacitada e um Ser Humano digno do nosso respeito...

Todos ficaram chocados com o estado da pequena que precisava de ajuda...

Seu cérebro estava sendo devorado, e ela ainda estava viva!

A jovem cadelinha teve uma parada cerebral na mesa de atendimento...

Seu coração ainda batia fortes quando recebemos a notícia e foi preciso autorizar a eutanásia...

No dia seguinte, levamos seu corpo já sem vida para ser cremado no Pet's Garden...

Esse não é um pedido de ajuda...
Mas não poderia deixar de registrar aqui o meu desabafo, a minha revolta e angústia...
Essa cadelinha provavelmente ficou dias andando pelas ruas, foi vista por centenas de pessoas, que provavelmente desviaram seus caminhos para não olharem para aquela "aberração"...
Poderia ter sido atendida a tempo de evitar tanto sofrimento...
Porém, ninguém se sensibilizou...

Assim são os seres humanos...
Sentem nojo, quando deveriam sentir compaixão e orgulho do que deveria causar vergonha...

Sei que irei receber mensagens de conforto e também muitas críticas por estar divulgando esse tipo de foto...

Minha ideia não é ser sensacionalista e sim REALISTA e a realidade deve ser jogada nas nossas caras até que tenhamos a capacidade de entender que precisamos mudar!

Sei também que pelo menos essa pequena não morreu sozinha...
Mas antes de partir, experimentou toda a dor e sofrimento que um ser vivo poderia sentir...

Espero que exista o tão sonhado "céu dos cachorros" e que agora ela esteja brincando num gramado verde, sem dor, sem sofrimento e principalmente, sem ódio da nossa espécie... Na minha opinião, isso é tudo que nós, seres humanos, merecemos: o ódio de todas as outras Criaturas de Deus.

Que esse final infeliz, sirva de exemplo para que pelo menos algumas pessoas façam alguma coisa quando se depararem com casos como esse...

Fica aqui uma frase que é perfeita para esse momento:

Para que o mal triunfe, basta que os bons não façam nada!


Renata Prieto - Equipe G.A.R.R.A.