Páginas

22 de dezembro de 2015

Salomé curtindo o seu primeiro dia de recreação após voltar para casa.

 Salomé curtindo o seu primeiro dia de recreação após voltar para casa.



Muitas vezes ficamos nos perguntando, com o coração apertado e triste, em que momento alguns dos nossos Garrinhos irão conseguir um lar...

Essa pergunta, que nos deixa tão angustiados, que muitas vezes nos aperta o coração, em alguns casos vem acompanhada de uma resposta, que seria muito dura e cruel: NUNCA ...

A grande realidade é que em determinados casos, é melhor mesmo que a resposta continue sendo NUNCA.


Se não tivéssemos nos emocionado e sensibilizado com as lágrimas de crocodilo daquela senhora e sua filha, ao se deslocarem do Bairro de Anchieta, para a Lagoa Rodrigo de Freitas, afim de encontrar um amigo...
Se não tivéssemos dado ouvidos, quando ela, emocionada, aos prantos, contava que havia perdido um filho assassinado brutalmente e que estava em depressão profunda e que precisava de alguém para lhe fazer companhia...

Se não tivéssemos autorizado a adoção da Salomé, quando ela a pegou nos braços, beijando-a com carinho, diante de tantas pessoas...

Tantos "se", tantas dúvidas....

Mas uma única certeza: Se não tivéssemos liberado a nossa Vovó Milagre, que sobreviveu a todos os desafios, ela com certeza não teria sofrido um novo abandono.

Claro que seremos eternamente gratos aos Anjos do Abrigo João Rosa, que encontraram nossa Vovó Mememé assustada embaixo de um carro no Bairro de Pilares...



Mas nada disso teria acontecido se tivéssemos dito apenas uma palavra: NÃO.

Essa é a realidade, nosso contrato de adoção tem clausulas rigorosas..
Temos um acompanhamento, onde o adotante tem a opção de nos enviar filmagens e fotos pelo Whats App...
Nossos coordenadores de adoção, ligam frequentemente para as famílias adotivas e no caso da nossa Vovó tão amada, a filha da Cidadã que a adotou, nos dizia em tom alegre e tranquilo que a nossa Salomé estava naquele exato momento deitada na cama, ou curtindo o sofá da casa... Que estava linda, feliz e alegre!


Ela não só abandonou a nossa Salomé, como nos manipulou, mentiu para nossas coordenadoras de adoção, que desligavam o telefone tranquilas e certas de que nossa Vovó estava bem, sendo feliz e amada por uma família.

Não iremos discutir o que essas pessoas merecem...

Mas podemos dizer, que definitivamente essas pessoas NÃO merecem amor, respeito e carinho.

Nossa Salomé está de volta, e provavelmente viverá conosco até o final de sua vida, assim como tantos outros amiguinhos que já estão conosco a tantos anos e nunca foram adotados: VanGogh, Sharon, Mel, Valério, Donatela, Leobaldog, Madalena, Theobaldog e muitos outros, ficaria dificil listar todos os Garrinhos que estão conosco a mais de cinco anos!

Vamos em frente, nossa Estrada é longa, com muitas pedras no caminho, mas temos certeza que encontraremos muitos jardins floridos para acalmar os nosso corações.

Seja bem vinda Salomé!

Você faz parte da nossa família, da nossa matilha, da nossa história e nós, jamais iremos te rejeitar, pois nós te amamos incondicionalmente.

Equipe G.A.R.R.A.